Conhea a Associo Clube do Carro Antigo do BrasilLogin




Buick Special, Clássico de Luxo da GM um Degrau Abaixo do Cadillac

Buick Special, Clássico de Luxo da GM um Degrau Abaixo do Cadillac

Mais antiga marca americana em atividade, a Buick precedeu a GM em cinco anos - a Buick estava sob o comando de William Durant em 1908, quando o conglomerado foi fundado. O objetivo de Durant, agora comandando a GM, era claro: o grupo teria sua produção segmentada em marcas com autonomia técnica e sofisticação distintas. Era uma forma inédita de fidelizar o cliente. O jovem começaria com um Chevrolet, trocando-o por um Oakland, depois um Oldsmobile, mais tarde o Buick, até chegar ao topo num Cadillac.

Durant soube explorar o prestígio da Buick.Ter um era sinônimo de status, não muito menor que possuir um Cadillac. Para superar a crise de 1929, a Buick reestruturou sua gama em 1936, batizando os carros com nomes próprios. O top era o Limited, seguido por Roadmaster, Century e Special, este o mais acessível. O Special oferecia cinco opções: três cupês, um sedã de quatro portas e um conversível. O estilo aerodinâmico era evidenciado pelo para-brisa inclinado e faróis ogivais. A suspensão dianteira independente com molas helicoidais adequava seu comportamento ao desempenho do motor oito em linha Dynaflash.

Com 3,8 litros, tinha 94 cv, graças a um carburador Stromberg de corpo duplo e válvulas no cabeçote - um abismo tecnológico sobre a Oldsmobile. Possante, atingia 137 km/h e arrancava facilmente em segunda, com suavidade inigualável. Em 1937, já com 4,1 litros e 107 cv, ficava quase sem rivais e não canibalizava os Cadillacs, com seus V8,V12 eV16.

Uma reestilização total viria em 1939, com o capô em cunha e grade mais baixa e larga. No ano seguinte os faróis eram integrados aos para- lamas, como no carro da foto, e em 1941 a carroceria seria compartilhada com a Chevrolet. A produção foi interrompida em 1942, logo após a entrada dos EUA na Segunda Guerra. A produção do Special seria retomada em 1946, mantendo o estilo e apenas duas opções, o sedã de quatro portas e o sedanete de duas. Um novo Special viria só em 1949, estreando dois elementos característicos da marca: o sweepspear (vinco lateral descendente) e as três aberturas no capô, simulando escapes de um avião. O motor ainda era o Dynaflash 8 de 4 litros, mas agora seu desempenho era inferior ao Oldsmobile RocketV8, menor e mais leve.

A Buick focou na reestlização para 1950 e no ano seguinte aumentou o Dynaflash para 4,3 litros, mas os 124cv não faziam frente ao Rocket, com 135cv. A solução foi lançar em 1954 o V8 Nailhead (cabeça de prego, devido ao pequeno diâmetro das válvulas no cabeçote). Com os mesmos 4,3 litros, atingia 140 cv.

O último ano do Special foi 1958, dando espaço a seguir aos primeiros compactos da Buick, nos anos 60. O modelo até voltaria ao show room, porém menor (leia na página ao lado), mas nunca mais seria o mesmo sucesso.

Buick Back

O Special voltou em 1961, mas como um compacto, o primeiro da Buick, usando a base do Corvair. Em 1964 ele virou um modelo intermediário e ficou em produção até 1969, sem alcançar a fama do pioneiro.

Publicado em: 30/12/2012
Fonte: Quatro Rodas

Compartilhe com seus amigos:

Voltar para Página Anterior:

804





Ônibus para Locação
Ônibus para Locação


Mercado Livre




Associe-se
Rede de Benefícios


Anuncie Grátis

Área do Anunciante
Classificados
Eventos
Notícias
Eventos CCA
CCA na Mídia
Dúvidas e Sugestões
Veículos para Locação
Veículos Antigos Roubados
Indique

Facebook Clube do Carro Antigo

Siga-nos no Twitter

Chevrolet, Monza, SLE Sedan, 1986, Cinza
Mercedes Benz, 560 Sl, 1988, Vermelha
Chevrolet, Camaro, RS 1972, 1972, Negro Y Amarillo
Ford, Escort, Gl, 1988, Vermelha

Locação de veiculos antigos para eventos, publicidade, fotografia








----------------

Logos dos Apoiadores