Conhea a Associo Clube do Carro Antigo do BrasilLogin




CCA na Mídia - Restauração Social

Eles sempre chamam a atenção por onde passam. Seja pela importância histórica, beleza ou valor afetivo, os carros antigos atraem olhares. E quanto mais bem conservados, melhor. O brilho nos olhos aumenta diante da lataria e da pintura intactas, do acabamento interno primoroso e do funcionamento impecável do motor. Nesse instante, o carro deida de ser veiculo e se transforma em obra de arte.

Restaurar carros antigos é uma atividade que requer conhecimento, treinamento e especialização, defende Ricardo Luna, presidente da ACCASC - Associação do Carro Antigo do Brasil. “O carro antigo é uma área especializada e não existe um curso de formação especifico para ela no Brasil”, comenta.

Com intenção de suprir a necessidade de mão de obra especializada para o segmento e, de quebra, contribuir socialmente com a formação de jovens, a ACCASC criou um curso de restauração que já rendeu bons resultados com as duas primeiras turmas, mas que ainda depende do investimento para crescer mais. “Nós percebemos que não existia esse curso e inscrevemos o nosso projeto para conseguir patrocínio. O iDort – Instituto de Organização Racional do Trabalho nos apoiou e bancou essas duas primeiras turmas”, relata Luna.

A proposta foi oferecida primeiramente, a alunos dos cursos de funilaria e pintura do Senai. Os participantes recebem treinamento prático e são capacitados para o mercado de trabalho, além de participarem de palestras e visitas didáticas e culturais a ateliês especializados em restauração, feiras e museus de antigos. Também recebem ajudas para custear alimentação e transporte da empresa apoiadora.

“Pretendemos ampliar a nossa proposta e criar um curso especifico para restauração, independente do Senai”, detalha Luna, destacando a intenção de consolidar a iniciativa como o primeiro curso do segmento no país.

Mercado de Trabalho

“O profissional formado pelo curso é único”, reforça o presidente. Como não há uma qualificação voltada exclusivamente para antigos, o aluno que participa do projeto tem um diferencia no mercado de trabalho. “A mão de obra para funilaria e pintura já é escassa e, para carros antigos, é pior ainda”, acrescenta Luna.

Depois de passarem pela capacitação, que dura cerca de três meses, os alunos podem seguir tanto para o mercado formal quando para o de antigos. “Na primeira turma, no meio do curso, dois jovens foram contratados”, destaca Luna. “Fazemos um monitoramento dos alunos após a conclusão do curso e, no ultimo monitoramento, constatei que mais dois jovens também estão trabalhando, um deles, na Nissan”.

“O participante vai obter conhecimento inicial para desenvolver todo o seu potencial no mercado de trabalho”, finaliza o presidente.

Publicado em: 13/6/2012
Fonte: Revista Táxi!

Compartilhe com seus amigos:

Voltar para CCA na Mídia:

738





Ônibus para Locação
Ônibus para Locação


Mercado Livre




Associe-se
Rede de Benefícios


Anuncie Grátis

Área do Anunciante
Classificados
Eventos
Notícias
Eventos CCA
CCA na Mídia
Dúvidas e Sugestões
Veículos para Locação
Veículos Antigos Roubados
Indique

Facebook Clube do Carro Antigo

Siga-nos no Twitter

Bomba de Gasolina
Ford, 29, Tudor Sedan, 1929, Vermelho
Volkswagen, Voyage, Gls, 1982, Verde
Volkswagem, Passat, TS, 1981, Bege

Locação de veiculos antigos para eventos, publicidade, fotografia








----------------

Logos dos Apoiadores