Conhea a Associo Clube do Carro Antigo do BrasilLogin




Noite do Fordinho reúne 30 modelos em SP

Noite do Fordinho reúne 30 modelos em SP

Quando a linha Ford apresentou o modelo A, em dezembro de 1927, a nova linhagem de automóveis tinha uma dura missão adiante: continuar o sucesso do Ford T, que havia vendido 15 milhões de unidades sem contar a revolução que fez na indústria automobilística por ter sido o primeiro automóvel fabricado em série.

O Ford modelo A fez grande sucesso no Brasil para os que tinham condições de ter um automóvel na garagem. Mas esta história já tem 80 anos, e os Fordinhos poderiam estar esquecidos no tempo. Porém, na última terça-feira, alguns sobreviventes dos pioneiros da marca Ford no Brasil desfilaram no Sambódromo do Anhembi provando a durabilidade desses “vovôs” da indústria automotiva.

Às 21h30 os carros se alinharam para o desfile, que teve cerca de 30 modelos Ford A, fabricados entre 1928 e 1931.

A primeira dupla veio no melhor estilo dos playboys de antigamente com capota baixada e cabelo ao vento: dois Rodsters, sendo um 1929 na cor creme com rodas cor de laranja, e ao lado um modelo 1931 vermelho com rodas creme.

Em seguida, outro Roadster 1929 amarelo, e um Town Sedan, uma configuração de luxo com carroceria fechada, que só perdia para o Town Car, onde motorista e passageiros ficavam em compartimentos separados. Este carro em reluzente tom de azul fez uma viagem em família para o Chile, rodando nove mil quilômetros nas mais diversas condições, e sem apresentar qualquer tipo de falha mecânica.

Depois do sedan, um Ford A fabricado em 1928 em rara combinação de dois tons de verde, e o outro azul com o banco escamoteável externo, que ficou conhecido no Brasil como “banco de sogra”.

Dois Ford 1929 na configuração Phaeton desfilaram para mostrar um dos modelos de grande sucesso no mercado brasileiro. Depois dele, outros Phaeton mostraram a beleza dos carros clássicos que sobreviveram ao tempo.

Um dos destaques ficou com a picape 1929, cujo nome oficial é Ford Model AA, referência a sua configuração de carga. Depois dos Phaeton e do utilitário, foi a vez do modelo Tudor (em referência ao termo two-doors, duas portas) mostrar a beleza de suas linhas suntuosas com apelo levemente esportivo.

Para quem gosta de conversíveis, mais um grupo de carros sem capota desfilou na pista e arrancou elogios do público: era um Roadster 1929 na cor preta, só para lembrar os tempos do Ford T que era oferecido nesta única cor.

Inovação sobre rodas

Parece estranho, mas há 80 anos o Ford A era um carro inovador. Depois do grande sucesso do T, Henry Ford, já com idade avançada, deixou para seu filho Edsel a dura missão de encontrar um substituto à altura.

Edsel seguiu os passos do pai e coordenou um projeto ambicioso, que consumiu US$ 100 milhões em desenvolvimento e principalmente na modernização das fábricas, tudo para produzir a nova série de automóveis, que viria em sete combinações, motores novos e cores diferenciadas.

O Ford A era mais complexo que seu antecessor: tinha 6.800 peças, enquanto o Ford T era montado com 5.000 peças. Além disso tinha freio nas quatro rodas (enquanto o T trazia freios apenas em duas), câmbio com três marchas com comando no assoalho (já o Ford T tinha câmbio de duas velocidades), motor 4cc 2,6 litros que desenvolvia 39 hp, quase o dobro dos Ford T com apenas 20 cv. No primeiro ano foram vendidas mais de 600 mil unidades, e em 1929 já seriam 1,5 milhão.

A crise de 1929 abalou toda a economia mundial e a Ford também sentiu decrescer suas vendas. O modelo A foi vendido até 1931, e cumpriu sua missão com nobreza durante os anos em que foi produzido. No Brasil, o Clube do Fordinho reúne informações e fãs desta geração de automóveis desde 1971. Se você gosta destes veículos e deseja saber mais, acesse o www.clubedofordinho.com.br














Publicado em: 29/7/2010
Fonte: www.webmotors.com.br

Compartilhe com seus amigos:

Voltar para Página Anterior:

456





Ônibus para Locação
Ônibus para Locação


Mercado Livre




Associe-se
Rede de Benefícios


Anuncie Grátis

Área do Anunciante
Classificados
Eventos
Notícias
Eventos CCA
CCA na Mídia
Dúvidas e Sugestões
Veículos para Locação
Veículos Antigos Roubados
Indique

Facebook Clube do Carro Antigo

Siga-nos no Twitter

Chevrolet, Opala Comodoro, Coupé, 1980, Bege
Volkswagen, 1600, 1969, Bege
Land Rover, Militar Ambulance Strecher - 109 Suv, Série 2A, 1971, Camuflada
Ford, Galaxie Landau, Landau, 1980, Azul

Locação de veiculos antigos para eventos, publicidade, fotografia








----------------

Logos dos Apoiadores