Conhea a Associo Clube do Carro Antigo do BrasilLogin




Da pesada, Desfile de Grandalhões

Da pesada, Desfile de Grandalhões

Ford 1946 faz parte da coleção do fundador da viação Itapemirim, Camilo Colla

Apaixonado por carros antigos e gerente, por 20 anos, de empresa de ônibus em São Paulo, Antônio Kaio Castro resolveu unir o útil ao agradável: há sete anos decidiu organizar uma exposição de ônibus antigos. Passou meses contatando empresas e, em maio de 2004, aproveitando o pátio da empresa Expresso Redenção, em que trabalhava, realizou o primeiro evento, com 11 veículos e um pequeno público de 300 pessoas. No ano seguinte já eram 30 ônibus antigos em exposição, visitados por cerca de 1 mil admiradores. Foi quando ele decidiu fundar o Primeiro Clube do Ônibus Antigo Brasileiro.

O evento cresceu e, desde 2007, é realizado no Memorial da América Latina, em São Paulo, com o patrocínio da Mercedes-Benz. Em 2008, além de ônibus, a exposição passou a abrigar caminhões e, com o aumento do número de veículos – ano passado foram 18 caminhões e 38 ônibus – e de público (cerca de 5 mil visitantes na última edição), Antônio Kaio optou por fazer dois eventos anuais a partir deste ano. Para o último fim de semana de maio, dias 29 e 30, está programada a primeira exposição exclusivamente de caminhões, com previsão de 30 veículos, enquanto a de ônibus ficará para novembro, época em que o clube completará cinco anos.

Da pesada, Desfile de Grandalhões GMC 1957, importado do Alabama (EUA), por empresário paulista, foi uma das estrelas da exposição em 2009.

Entre os modelos inscritos, o presidente e fundador do clube destaca um “Papa-fila” restaurado, cujo cavalo mecânico é um GMC 1965, puxando um compartimento de passageiros ano 1966, com capacidade para 65 pessoas. O veículo é um misto de caminhão e ônibus, que levou esse nome justamente pelo fato de comportar um número grande de passageiros. Antônio Kaio explica que o original era puxado por um Fenemê (das iniciais FNM, da Fábrica Nacional de Motores), daí a diferença do ano de fabricação entre o cavalo e o compartimento de passageiros. “Quem encontra um ‘Papa-fila’ e restaura dificilmente consegue um cavalo Fenemê, por isso o GMC é mais usado”, diz. A exemplo do ano passado, a exposição deverá contar, ainda, com uma picape Chevrolet 1926, um pequeno caminhão Ford 1946 e outros caminhões GMC. Informações: kaiolafontaine@primeiroclubedoonibusantigo.com

Fotos: Kelly Hato/Primeiro Clube do Ônibus Antigo Brasileiro/Divulgação
Publicado em: 7/3/2010
Fonte: Primeiroclubedoonibusantigo.com

Compartilhe com seus amigos:

Voltar para Página Anterior:

269





Ônibus para Locação
Ônibus para Locação


Mercado Livre




Associe-se
Rede de Benefícios


Anuncie Grátis

Área do Anunciante
Classificados
Eventos
Notícias
Eventos CCA
CCA na Mídia
Dúvidas e Sugestões
Veículos para Locação
Veículos Antigos Roubados
Indique

Facebook Clube do Carro Antigo

Siga-nos no Twitter

Chevrolet, Monza, SLE Sedan, 1986, Cinza
Volkswagen, 1600, Primeira Versão, 1969, Bege
Mercedes Benz, 560 Sl, 1988, Vermelha
Chevrolet, Camaro, RS 1972, 1972, Negro Y Amarillo

Locação de veiculos antigos para eventos, publicidade, fotografia








----------------

Logos dos Apoiadores